domingo, 24 de março de 2013

Quem dera no Brasil houvesse a mesma liberdade de expressão


Milhares de pessoas se reuniram neste domingo em Paris para protestar contra o casamento entre homossexuais, em uma última mobilização em massa antes da adoção definitiva do projeto de lei que legaliza a união e adoção por casais do mesmo sexo. Fonte: Esatado de Minas

Quem dera que no Brasil pudéssemos ter a mesma liberdade de expressão que têm os os países verdadeiramente democráticos.

Aqui no Brasil, estes manifestantes imediatamente seriam taxados como homofóbicos e sofreriam todo o tipo de agressões, por palavras, gritos frenéticos, e mesmo agressões físicas.

A Secretaria de Direitos Humanos é a primeira em não nos garantir a  liberdade de opinião e de expressão.

Numa estado democrático de direito todos, homossexuais e heterossexuais têm o direito de expressar livremente sua opinião. 

Mas o PT é um partido que nunca lutou pela democracia e pela liberdade, muito antes pelo contrário, sempre foi e é um partido comprometido com o regime ditatorial e sanguinário de Fidel Castro.


2 comentários:

Berto pernambuco disse...

O FIM DESSA VIADADA PORCA TA CHEGANDO

Eduardo Araújo disse...

Por outro lado ...

Laguardia, isso não quer dizer que na França também não existam "progressistas", intolerantes em nome da tolerância, que achincalham e tentam desqualificar ao máximo quem não comunga das idéias deles. Basta notar a fala de um ministro francês (desculpe-me não saber especificá-lo, agora) a respeito desses movimentos, sempre taxando-os como de "extremistas cristãos".

De todo modo, concordo que em comparação com nosso país, por lá a sociedade mostra-se muito mais evoluída politicamente e muito mais capacitada à convivência com a discordância. Aqui, a tendência é instituir o delito de opinião, sonho eterno dos socialistas.