quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

O Brasil para "inglês ver" -Segurança Pública.

Com medo de ter a casa arrombada, vários moradores do Complexo do Alemão não foram ao trabalho ontem e preferiram ficar em casa de vigília, para esperar possíveis abordagens policiais. Houve queixas de furtos e saques. As revistas eram o assunto do dia nas mesas de bares e restaurantes da região.

Segundo os moradores, os policiais estão destruindo portas, fechaduras e portões das residências que querem vasculhar, mas que não há ninguém na hora - e saqueadores acabam furtando objetos, eletrodomésticos e móveis depois. Para evitar que isso aconteça, o marceneiro Onofre de Souza, de 67 anos, não sai de casa desde sexta-feira. "Já revistaram minha casa três vezes, mas sempre vem uma equipe diferente e querem ver tudo de novo. Aí eu fico aqui esperando a próxima revista", diz. Como não tem carteira assinada, Onofre calcula que os prejuízos acumulados cheguem a R$ 500. "Mesmo assim, é melhor do que ter a casa roubada." Fonte: Estadão

Que segurança é esta que os moradores não podem abandonar suas casas com medo de que as mesmas sejam saqueadas?

Não podem ir trabalhar com medo de suas casas serem arrombadas e deixadas ao léu para que saqueadores roubem seus poucos pertences?

Esta é a segurança que o governo dá aos moradores?

O certo é que depois de ocupada a comunidade e os bandidos expulsos, os moradores tivessem a tranquilidade de sair de casa para o trabalho sem nem ter a necessidade de trancar suas portas.

Espero que as autoridades tenham mais responsabilidade para com os moradores honestos desta comunidade, que são a maioria. 

Um comentário:

Andrea Berger disse...

Aqui é sempre difícil diagnosticar quem realmente é o bandido.
E diz o antigo ditado que a oportunidade faz o ladrão.
Sinto vergonha, indignação e sei lá mais o que.
Abs