sábado, 28 de fevereiro de 2009

SAÚDE: LULA cadê as verbas?????


Os empreiteiros, generosos financiadores de campanhas eleitorais, estão rindo de cofrinho a cofrinho. Lula da Silva avisou ontem, pela terceira vez, que seu governo programa para anunciar uma nova data para o programa de incentivo à habitação popular. O chefão promete lançar, daqui a 15 ou 20 dias, o pacotão para construir 1 milhão de casas em dois anos. Lula garante que tem dinheiro para a empreitada.

Enquanto Lula faz mais uma promessa – no que promete ser uma grande estratégia para a pré-campanha presidencial (oferecer casa para todos) -, seu desgoverno tenta esconder – com ajuda da mídia amestrada por patrocínios de estatais – um verdadeiro descalabro na área de saúde. Não se sabe por que motivo o SUS (Sistema único de Saúde, criado e gerido no melhor estilo soviético) não repassa verbas para pagamento de profissionais de saúde em grandes centros e, principalmente, no Nordeste.

Médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e tantos outros profissionais que já estão há quase dois meses sem receber em hospitais conveniados ao sistema do governo ficaram indignados com a imagem do Presidente da República, em plena Passarela do Samba do Rio de Janeiro, jogando camisinhas para o povo. Simbolicamente, os sem-salário entenderam: Lula quer nosfu...

A bomba da saúde está prestes a estourar... O triste é que a irresponsabilidade do desgoverno, que segura verbas da saúde inexplicavelmente, pode custar a vida de muitos brasileiros – inclusive de uma grande maioria dos 84% que garantem a popularidade de Lula. Será que o dinheiro da saúde foi aplicado em alguma operação financeira estranha e “tomou doril”?

Enquanto a crise é real no desgoverno, Lula prossegue em sua marketagem para a platéia – inclusive a internacional, com vistas à reunião dos chefes de Estado do G-20, em Londres – sede operacional da Oligarquia Financeira Transnacional que controla o mundo globalitário. Ontem, Lula soltou a pérola: "Esse país tão humilde e tão achincalhado, quando sentar na mesa do G20, certamente será um dos países que terá mais autoridade moral para falar como se cuida de um País".

Lula, se mostrarem o que está acontecendo na saúde, a saúde da sua imagem vai contrair uma grave doença... E o remédio, depois, pode ser amargo... Quem morrer não verá!



© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 28 de Fevereiro de 2009.

Comentário Meu - Quando paga, o SUS paga menos de R$5,00 por consulta. Todos nós contrivuimos para o SUS através dos impostos que nos são descontados em folha.

E qual o tratamento que recebemos quando precisamos de médico? Enfrentar longas filas, esperar até meses por uma consulta especializada e no caso de internação ficar deitado em uma maca no corredor, quando existe maca. Os hospitais públicos não têm equipamentos e os que têm os equipamentos não podem funcionar por falta de verba.

Os que defendem este governo corrupto nunca perderam um ente querido nas filas do SUS ou por falta de recursos nos hospitais públicos.

A dengue já está de volta. Infelizmente muitos vão morrer devido ao descaso das autoridades corruptas deste país.

Enquanto isto Lula samba no Sambodromo, se trata no Incor e o povo?

O povo que sifu.

2 comentários:

Maybe Tomorrow disse...

Os planos de saúde são absolutos no congresso. Nada, nada que se faça por saúde passa, eles bloqueiam.Só nos resta cobrar das prefeituras e correr em cima dos vereadores de nossas cidades que ganham muito pra homenagear pessoas com nomes de ruas e ficar de bla,bla,bla no nas assembléias.
Abr.Yvy

Laguardia disse...

Ivy

Temos que colocar pressão em cima dos deputados e vereadores.

O Ministério da Saúde também não repassa as verbas.

As verbas da CPMF que foi criada para atender a saúde eram redistribuidas e nada ia para a saúde. Isto não dependia do congresso, mas só do governo federal. E isto vinha ocorrendo no governo FHC e continuou no governo Lula.

O povo morre sem assistência médica enquanto Lula faz a festa distribuindo camisinhas e gastando o equivalente a 468 famílias ganhando 1 salário mínimo durante um ano com dois dias de festa para Dima.